Empreendedorismo ao rubro

Há notícias que não se podem perder na amálgama dos textos que hoje constitui um jornal pós-moderno no capitalismo. Se delas as empresas jornalísticas podem tirar algum proveito em termos de um aumento de vendas, elas são trazidas à 1ª página sem apelo nem agravo.

No CM foi assim:

empreendedorismo  cm+i

E no i, mais cool, ainda na suspeita:

empreendedorismo  cm+i

O empreendedorismo é um conceito cavaco-laparoto apresentado por relvas, num congresso do dito, recorrendo à prestação ao vivo de um vendedor de amendoins já com a sua carreira empreendedorística sustentável em curso e com as cascas sempre varridas da cena, provando a sua eficiência excepcional.

À altura a criação de empregos estava a zero, eram muitos os empregos que desapareciam e a juventude queria trabalhar. O conceito cavaco-laparoto respondia à questão: como não terás emprego tão cedo e não consegues ou não queres emigrar, faz-te empreendedor e verás o sucesso da economia derramar-se em ti como geleia de mirtilo ou manteiga de amendoim !!!

Realmente do mirtilo aos ferraris, mclarens, maseratis e porsches vai um saltinho de empreendedorismo de advogado (com curso nalguma privada …) embrulhado com alemães (!!!???) a lavar dinheiro de fundos da cee.

Vê-se o estilo:

vieira minho  feira ladra feira gado galinhas flk3

                                                     

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s